A POESIA DE FERNANDA DA CUNHA OLIVEIRA


ETERNO AMOR

Paris, lugar onde tudo começou...
Minha vida, a nossa linda história
Tudo se mantém vivo na memória.

Cidade Luz, que faz cada sentimento brilhar...
Nossos corações se uniram tão forte
Que nada nos separa, nem mesmo a morte.

Seu olhar se fixou ao meu de um jeito...
Parecia que tudo estava parado
E os nossos olhares tão vidrados.

O que era paixão, passou a ser amor...
A certeza de amar esta dentro de nós
Ecoa dentro do peito com alta e bela voz.

Lá podemos gritar: estou de fato amando!
Na verdade nem precisamos tanto ecoar
É tão visível nosso amor, basta o admirar.

Quem nos vê, consegue mesmo perceber...
Que a nossa união é sincera e verdadeira
E que será pra sempre, pela vida inteira.

Eu te amo e tu também me amas
Seguiremos nos amando seja onde for
Daremos vida eterna ao nosso lindo amor.


HORIZONTE DO AMOR

Horizonte, lugar tão lindo
Onde o sol vai surgindo
Diante do mar e o arrebol.
Linda e contagiante sintonia
Que embeleza tanto o dia
Esse maravilhoso cartão postal.
Nacente brilho que conduz
Um iluminado raio de luz
Que invade tantos corações.
Casais que são apaixonados
Vivem em sonhos encantados
Por obterem tantas emoções.
Cenário tão belo e perfeito
Cria sentimentos lá no peito
De quem ama e deseja amar.
Lugar especial e tão romântico
Transforma rimas em cânticos
Para enamorar, esse é o lugar.



Um comentário:

  1. Maravilhoso... amei poder estar aqui na revista de ouro. Gratidão pela publicação da minha poesia 💗

    ResponderExcluir