DA SÉRIE POEMAS DE OURO

A verve do Poeta potiguar CLAUDIO WAGNER


TESTAMENTO

Escrito com Sangue
Abreviou seu nome
Num testamento de despedidas.
Não houve lágrimas
De nenhum familiar
Em sua partida.
Mas, todos querem
Repartir sem abreviar
Tudo que na breve vida
Ela conseguiu acumular.
Escrito com Sangue:
“Deixo  no testamento aos meus netos
As dores de uma ganância abreviada”.



O perfume do teu corpo embala minha fantasia.
O teu nome, Ozany Gomes, é pura poesia.


Uma noite
Um poema ao avesso
Um copo de cerveja
Uma pessoa que não conheço
Uma vida versando e reversando
E ser, quem sabe, feliz.


MÉNAGE À TROIS

Quem não atingiu o ápice
Nas terminações neuronais das palavras
Sussurradas de trânsitos e trâmites
Não acoplou ao bonde dos desejos
Amor! Três pássaros em gaiolas de vidro
Prazer a Três, mas quarto sentido.


PEN
Segue a caneta dos sentimentos
Regulada pela instabilidade das marés
A cada nova redescoberta de sentidos
Para frases soltas em papéis de ventos.

Não é o amor a casa das incertezas?
Não é o agora a saudade de tanto ontem?
Paro, penso, repenso e volto a pensar, pesar.
Os pêsames ao patético final (ferragens) do
meu linguajar.

Rogo o dia que  materialize
o que está pintado na tela gigantesca do universo
uno (una) todas as hidrogenias que se multiplicam
EM-NÃO-SER. Segue a caneta dos sentimentos
regulada pela instabilidade das marés.


Ei! Moça, tu és Poeta?
Poeta, Moça não sou.
Mas, conheço a Ana Rosa
Poetisa buquê de flor
Que com seu jeito faceiro,
de sorriso verdadeiro,
Com seus versos doces matreiros
Minha vida ressuscitou.



EU NARCISO
Às vezes gosto de mim,
Outras vezes me detesto,
Ou tenho medo da parte minha que não conheço
E, às vezes, me abraço na madrugada,
Lembro-me de amigos e amigas que tenho,
Pessoas que amo,
De um ou dois desafetos, e choro!
O espetáculo da vida não é feito só de sorrisos.




7 comentários:

  1. Grande poeta! Disponibilizando a fonte pra outras fontes. Como já é de seu conhecimento seus escritos são clássicos da música ainda não ritmados.

    ResponderExcluir
  2. Sensacional. Cada vez melhor! Hora de um novo livro. "Se todos fossem [poetas] iguais a você, que maravilha seria ter coisas realmente boas para ler".

    ResponderExcluir
  3. Cláudio é um poeta contemporâneo que leva as suas poesias aos mais longilongíos recantos do estado e do pais. É uma que faz de suas inspirações as melhores poesias que tocam a alma dos que lêem. Ao vivo ele dá um show de interpretação. Parabéns Cláudio.

    ResponderExcluir
  4. Cláudio Wagner foi um dos primeiros poetas que conheci aqui em Natal.
    Gosto de suas poesias fortes, algumas com toques de sarcasmos e uma pitada de humor. É um poeta que me inspira muito.
    Sinto orgulho de ser seu amigo.
    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns! Que sua poesia encontre veículo que leve cada poema seu a mais apreciadores desse talento maravilhoso!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns! Um orgulho potiguar precisamos , de pessoas assim nos representando na poesia brasileira.

    ResponderExcluir
  7. Os seus versos possuem qualidade inquestionável, além de possuírem uma marca própria.

    ResponderExcluir