OS POETAS PEDRO PEREIRA • POETA POTY e CLAUDIO WAGNER HOMENAGEIAM A CIDADE DO NATAL

Imagem • Quadro de Pedro Pereira


POEMA PARA A NATAL DE HOJE
  
Meu puro e belo mar
Sinto que em breve não posso mais te olhar, sumiu a província do meu mundo feliz
Preencheram de arranhas-céus nossa orla poética
Invadiram a paisagem do mar paraíso 
Só me resta a beleza da lua viva
Bela e nua no asfalto quente
Suavizando minha cefaleia
Vejo estrelas como platéia
No escuro azulado da noite
Eu amo as cores
Vejo as flores
Sinto as dores
Por mim e por meus amores
Amantes do mar potiguar.


PEDRO PEREIRA
  

      💐 💐 💐

  
NATAL
  
Longe de minha terra natal
Natal de tantas emoções
vendo o Rio Potengi
que vai ao mar
de Dunas e
Praias
Tem a Cidade Alta
Alecrim
Ribeira 
Rocas
Ponta Negra 
Genipabú 
Forte dos Reis Magos
Redinha
Minha Cidade da Esperança 
Estou no Exílio
pelas bandas do extremo Sul 
Adotei 
Meu Natal não reneguei 


POETA POTY


      💐 💐 💐
  

ODE  À NATAL
  
 73 nasci nas Rocas
Cresci Ribeira
Meu quintal.

Petrópolis  Ruas largas,
Mãe Luíza
Cidade-Crescimento vertical.

Teu Mar
de bairros Cidade Sol
eleva nosso astral.

Zona Norte
Teu bairros de Pontes Elo
TU- EU sobrenatural.

Plantadas, Natal, 
Estão em ti as sementes
Do Eu ancestral.

Sobrevivas aos Séculos
Cidade Amada
aniversária com Os Deuses
Natal és Imortal.

Imoral seria
O aqui florescer em primaveras
E não cantar esse amor por você.
  
CLAUDIO WAGNER




2 comentários: