OS POETAS DALUZINHA AVLIS • EVALDO SILVA e NAIR DAMASCENO HOMENAGEIAM A CIDADE DO NATAL

Imagem • Evaldo Silva
NATAL TEM UMA MISSÃO

Por aqui a natureza, foi generosa demais
Oceano Atlântico a nos fazer tanto carinho
Praias sedutoras, doces lagoas acolhedoras
Pôr de sol com molduras...Ah! Sensacionais!
Leito para se fazer amor, com sabor integral
Tem o Morro do Careca, mais que belo visual

Tem a Feira do Alecrim, rebuliçosa e centenária
Seara de atletas, de notável fama internacional
Aqui já nasceu até um presidente da república
Tem brilho próprio, como pedra da lua: Adularia
Tem encantos, gostosuras e tantas boas histórias
Que lhe garanto: É difícil tirar Natal da memória

Tem Contadores de Histórias, Poetas e Cordelistas
E desde sempre foi riquíssima, em cultura popular.
Até hoje o seu povo sonha em ser exemplo de paz
Lugar perfeito para quem crer, ou quem ainda insista
Como o Mestre Câmara Cascudo que aqui nasceu, provar
Que Natal tem uma linda missão: A todos acolher e amar!

DALUZINHA AVLIS
  
      💐 💐 💐
  
NATAL

Natal como esquecer de ti?
Tuas praias, teus encantos, tuas estradas...

Natal, beleza sem igual,
Sol forte, luzes reluzentes,
Cidade feita com amor e bondade,
De lugares arborizados e gentes....

Natal das festas e das alegrias e das poesias,
Inspiração dos poetas, amantes das boas artes...

Natal de muitas histórias...
Onde cresci e aprendi,
Onde os sonhos são flutuantes pelo ar...

Natal cidade onde se comemora o nascimento do menino Jesus
Que um dia nos clareou no seu caminho de luz .

Natal, capital espacial dos estrangeiros,
De braços abertos para quem quer seja
Potiguares, gringos ou brasileiros...

EVALDO SILVA
  
      💐 💐 💐
  
LUAR DA PRAIA DO MEIO

Nas noites de lua cheia
A poesia passeia
No cheiro de maresia,
Nos sargaços, na areia,
Na espuma, nos rochedos
Recoberto de corais.
A onda bate mais forte
Vai da ponta do Morcego
Até a praia do Forte.
A beleza é tanta
Que até o vento canta,

Mas quando a lua se esconde
E ninguém sabe pra onde
Estrelas piscam sorrindo,
A espuma brilha, ai que lindo.

Arrependida e a chorar
A lua jura voltar
Da sua viagem, porém,
Apenas no mês que vem.

NAIR DAMASCENO




Um comentário: