A Aranha do Castelo • Jota Brasil


A aranha tece sua teia
pendurada
nas paredes do castelo
Enquanto a rainha
indignada com a plebe
que alheia se nega
a prestar-lhe reverencia

A aranha agora come
insetos que grudam
na sua teia armada
no teto do castelo
Enquanto o rei reclama
do tempero do banquete

A aranha balança
pra lá e pra cá
tecendo de novo sua teia
sente arrepios nos pelos
encarando-se no espelho
enquanto a princesa
Não sabe o vestido
Que usará no baile
da corte no sábado...

Jota Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário